Você sofre com a Tensão Pré-Natal?

Integração profissional: é importante na saúde mental?
16 de dezembro de 2019
Nos nossos conflitos estão as nossas habilidades
9 de janeiro de 2020
Exibir tudo

Você sofre com a Tensão Pré-Natal?

Talvez você nunca tenha escutado esse termo, mas todos os anos têm os mesmos sintomas. O que é a Tensão pré-natal e o que fazer se você passa por ela?

 

 

Entendendo a TPN (Tensão pré-natal)

 

A TPN, mais comum em pessoas com depressão, ansiedade e síndrome do pânico, pode ser resumida como uma ansiedade desencadeada pelos eventos que envolve o natal: a correria em comprar presentes, a preparação da casa para receber os familiares, a preocupação com o que cozinhar ou, simplesmente, a ausência de todas essas atividades que causa um vazio: para muitas pessoas o momento de festa pode desencadear muita tensão.

 

Existe também outro fator que dá mais forças a TPN: a sensação de que o ano acabou. Pensar que 2019 se foi e um novo ano está começando pode gerar angústia para quem não conseguiu conquistar tudo o que queria. Mas como lidar com isso?

 

Esteja no controle

 

O primeiro passo para evitar essa sensação é assumir o controle e eu quero que você aprenda como fazer isso. Para isso, vou ressignificar a sigla TPN com passos práticos para você aplicar:

 

T – Troque as cobranças pelas conquistas concretizados durante o ano

Sim, você conquistou objetivos neste ano. Pense no que fez, no que deu certo, no que pode se orgulhar!

 

P – Pense que é um privilégio ter vida

Mais um ano está começando e você está aqui para vivê-lo e aproveitá-lo! Seja grato por isso.

 

N – Norteie seus propósitos para agir

Defina metas e objetivos que sejam alcançáveis. Assim, você conseguirá definir quais ações precisa tomar desde já.

 

Não se cobre tanto

 

Este não é o momento de se cobrar tanto. Não deu tempo de fazer algo do jeito que você queria? Tudo bem! Se preocupar e ficar ansioso com isso só vai te atrapalhar a aproveitar o momento. Viva mais e se preocupe menos: é época de se sentir bem com você mesmo e com quem o cerca!

 

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *